InícioEuropaGréciaO melhor lugar para ver Atenas - a Colina Filopappos

O melhor lugar para ver Atenas – a Colina Filopappos

EuropaGréciaO melhor lugar para ver Atenas - a Colina Filopappos

|

|

|

Atenas tem um conjunto de colinas que proporcionam vistas fantásticas sobre a cidade. A nossa preferida é, sem dúvida, a colina onde se situa o Monumento de Filopappos, a sul da Acrópole.

Daqui não se vê “apenas” Atenas. Daqui podemos apreciar a cidade, ver as suas ruas, os seus edifício, os arrabaldes da cidade e as montanhas que a rodeiam.

Os Deuses Gregos :-)

Os autores do Blog, o Sérgio e a Sandra

Desde o sopé da colina existem variados caminhos que nos levam até ao topo. Para o lado direito, os caminhos levam-nos até Pnyx, o local onde a democracia nasceu.  Se seguirmos, monte acima, pelos caminhos da esquerda, passaremos pelo local onde, segundo a tradição, Socrates terá estado preso. A prisão de Sócrates, escavada no grande rocha, ainda hoje é bem visível.

Mas as verdadeiras maravilhas estão lá em cima, bem no alto. Quando chegamos ao cume, tolhem-se-nos os movimentos e a respiração fica sôfrega com tais vistas. Há o mar e a montanha, e a cidade que se estende para lá do que a vista alcança.

Grecia_2013-3.jpg

Atenas, vista desde a Colina Filopappos

No primeiro dia da quaresma, os atenienses sobem o monte Filopappos, lançam papagaios de papel como os seus antepassados fizerem, geração após geração.

Parece que voamos, os minutos parecem segundos. Cai o sol sobre a Acrópole. Alguém se vira para nós, em português bem falado, e numa só palavra resumiu o que por aqui temos dito: “Brutal”.

Não é de estranhar que este cume diga tanto aos Ateniense. Até nós, que aqui viemos só uma vez, reservaremos um lugar especial para estas vistas.

Localização: Mapa

os meus trilhos
os meus trilhoshttps://osmeustrilhos.pt
Somos uma família apaixonada… apaixonada pelo mundo e pelas viagens, sejam elas curtas ou longas. Mas a maior das viagem começou há pouco, quando à equipa se juntou o pequeno Simão. Durante uma parte do ano vestimos as capas de dois burocratas do funcionalismo público, na outra, metemos a mochila às costas, pegamos no Simão, e vamos por aí… ver com outros olhos, conhecer o mundo, conhecendo-nos cada vez mais a nós próprios. Adoramos grandes aventuras por lugares longínquos, mas também gostamos de pegar no carro e andar por aí, sem destino. E porque a viagem não acaba nunca, como dizia Saramago, depois da viagem passamos tudo para aqui: textos, fotos, vivência, enfim… a nossa viagem! Um pouco de tudo num blog que é da Guarda para o mundo! Tudo sobre nós >>>

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

os meus trilhos
Somos uma família apaixonada… apaixonada pelo mundo e pelas viagens, sejam elas curtas ou longas. Mas a maior das viagem começou há pouco, quando à equipa se juntou o pequeno Simão. Durante uma parte do ano vestimos as capas de dois burocratas do funcionalismo público, na outra, metemos a mochila às costas, pegamos no Simão, e vamos por aí… ver com outros olhos, conhecer o mundo, conhecendo-nos cada vez mais a nós próprios. Adoramos grandes aventuras por lugares longínquos, mas também gostamos de pegar no carro e andar por aí, sem destino. E porque a viagem não acaba nunca, como dizia Saramago, depois da viagem passamos tudo para aqui: textos, fotos, vivência, enfim… a nossa viagem! Um pouco de tudo num blog que é da Guarda para o mundo! Tudo sobre nós >>>

Must Read