InícioEuropaEspanhaUma visita rápida à Catedral de Ourense

Uma visita rápida à Catedral de Ourense

EuropaEspanhaUma visita rápida à Catedral de Ourense

|

|

|

Quando começámos a deambular pela cidade que acabava de acordar, nem parecia que estávamos numa cidade espanhola: calma, tranquila, sem carros! Só mais tarde nos demos conta de que era feriado e que estávamos numa das épocas que mais diz aos espanhóis, a semana santa.

As ruas da cidade velha de Ourense estavam desertas, as lojas fechadas e as pessoas, de certeza, ainda a dormir.

Tínhamos planeado fazer uma pequena visita à cidade antes de passarmos pelas termas de Pozas Muiño da Veiga e de rumarmos à zona da Ribera Sacra, nas margens do Rio Sil.

Vagueámos um pouco pelas ruelas até que desembocámos, de frente, na Catedral de Ourense. Um edifício imponente que, pela aparência, há de ter atravessado séculos e histórias.

Catedral de Ourense
No casco viejo, uma das ruas de acesso à catedral

E por falar em Histórias, reza a lenda que a Catedral de Ourense, foi mandada construir por um monarca suevo chamado Carriarico, que ao adoecer o seu filho, pediu ajuda a São Martinho de Tours e, em agradecimento, mandou construir um templo no lugar onde se encontra agora a catedral (pelo menos, é o que conta a Wikipedia acerca da Catedral de Ourense).

Catedral de Ourense
A fantástica nave central da Catedral de Ourense

As incursões muçulmanas na península ibérica fizeram das suas e destruíram a catedral que se voltou a reconstruir nos Séc.  XII e XIII, em plena época do românico e que se manteve, mais ou menos inalterada, até hoje.

Mas então, vamos lá às fotos da Catedral de Ourense.(clicar na foto para abrir a galeria)

Informação Prática

Preço: Entrada gratuita

Horário

De segunda a Sábado
Das 11:30 às 13:30
Das 16:00 às 19:30
Feriados e Domingos
De 16:00 a 19:30
os meus trilhos
os meus trilhoshttps://osmeustrilhos.pt
Somos uma família apaixonada… apaixonada pelo mundo e pelas viagens, sejam elas curtas ou longas. Mas a maior das viagem começou há pouco, quando à equipa se juntou o pequeno Simão. Durante uma parte do ano vestimos as capas de dois burocratas do funcionalismo público, na outra, metemos a mochila às costas, pegamos no Simão, e vamos por aí… ver com outros olhos, conhecer o mundo, conhecendo-nos cada vez mais a nós próprios. Adoramos grandes aventuras por lugares longínquos, mas também gostamos de pegar no carro e andar por aí, sem destino. E porque a viagem não acaba nunca, como dizia Saramago, depois da viagem passamos tudo para aqui: textos, fotos, vivência, enfim… a nossa viagem! Um pouco de tudo num blog que é da Guarda para o mundo! Tudo sobre nós >>>

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

os meus trilhos
Somos uma família apaixonada… apaixonada pelo mundo e pelas viagens, sejam elas curtas ou longas. Mas a maior das viagem começou há pouco, quando à equipa se juntou o pequeno Simão. Durante uma parte do ano vestimos as capas de dois burocratas do funcionalismo público, na outra, metemos a mochila às costas, pegamos no Simão, e vamos por aí… ver com outros olhos, conhecer o mundo, conhecendo-nos cada vez mais a nós próprios. Adoramos grandes aventuras por lugares longínquos, mas também gostamos de pegar no carro e andar por aí, sem destino. E porque a viagem não acaba nunca, como dizia Saramago, depois da viagem passamos tudo para aqui: textos, fotos, vivência, enfim… a nossa viagem! Um pouco de tudo num blog que é da Guarda para o mundo! Tudo sobre nós >>>

Must Read